18.6 C
Oeiras Municipality
Dom 26 Junho 2022
Inicio Saúde CoronaVirus Covid-19. Modalidade "casa aberta" disponível para quem tenha mais de 18 anos...

Covid-19. Modalidade “casa aberta” disponível para quem tenha mais de 18 anos e não tenha dose de reforço

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou através das suas redes sociais a abertura da modalidade “casa aberta” para a vacinação contra a COVID-19 para as pessoas com 18 ou mais anos que não receberam a dose de reforço contra o vírus.

Também pessoas com 12 ou mais anos que não foram vacinadas com a dose primária contra a COVID-19, podem voltar a fazê-lo. “Basta dirigir-se a um centro de vacinação ou centro de saúde”, informou a DGS no Instagram e Facebook.

A mortalidade por COVID-19 em Portugal atingiu o dobro do limiar definido a nível europeu e a ocupação hospitalar aumentou 27%, indica o relatório da evolução da pandemia, que recomenda fortemente o reforço das medidas de proteção individual.

O documento da Direção-Geral da Saúde (DGS) e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), indica ainda que todas as faixas etárias apresentaram uma “tendência crescente” nos internamentos em enfermaria na última semana.

Quanto aos cuidados intensivos, a DGS e o INSA adiantam que, na segunda-feira passada, o número de camas ocupadas nessas unidades correspondia a 38,8% do limiar definido como crítico de 255 camas ocupadas, quando no mesmo dia da semana anterior era de 32,9%.

Na segunda-feira, a mortalidade específica por covid-19 atingiu os 41 óbitos em 14 dias por um milhão de habitantes, revelando também uma tendência crescente e que é cerca do dobro do limiar de 20 mortes definido pelo Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC).

De acordo com a autoridade de saúde, a percentagem de testes positivos para SARS-CoV-2 entre 17 e 23 de maio foi de 51,9%, tendo-se registado um aumento do número de despistes da infeção realizados, que passou de cerca de 355 mil para mais de 367 mil.

O número de novas infeções por 100 mil habitantes acumulado nos últimos sete dias foi de 1.835 casos, com tendência crescente a nível nacional e nas várias regiões do país, e o índice de transmissibilidade (Rt) do vírus está nos 1,13 a nível nacional.

Perante estes indicadores, que demonstram que a “epidemia de covid-19 mantém uma incidência muito elevada com tendência crescente”, o documento da DGS e do INSA aconselha a que seja mantida a vigilância da situação epidemiológica, “recomendando fortemente o reforço das medidas de proteção individual e a vacinação de reforço”.

Em 18 de maio entrou em vigor a contabilização das suspeitas de reinfeção, com a atualização retrospetiva dos casos acumulados.

De acordo com a DGS, os novos casos passam a incluir as primeiras infeções e as reinfeções pelo SARS-CoV-2 e os indicadores apresentados neste relatório refletem esta atualização.

COMENTAR

Please enter your comment!
Por favor, digite o seu nome

- PUB -

Os mais lidos

Encerramento da Fase I do Parque dos Poetas de 27 de junho a 5 de julho

A I Fase do Parque dos Poetas, em Oeiras, estará encerrada ao público para a preparação e realização do evento ‘Festival Panda’. ⚠️ AVISO: Encerramento...

Requalificação das rampas de acesso à Praia de Santo Amaro de Oeiras

O Município de Oeiras irá proceder à requalificação das rampas de acesso à Praia de Santo Amaro de Oeiras, entre 27 de junho e 1 de julho. Esta...

Município de Oeiras apoia Equipa de Basquetebol do Paço de Arcos Clube

A Equipa de Basquetebol dos Sub-14 A Masculinos do Paço de Arcos Clube esteve presente na última Reunião de Câmara para agradecer à Câmara...

Festival Internacional de Piano de Oeiras – FIPO está a chegar

O Festival Internacional de Piano de Oeiras (FIPO) está de volta com a realização de inúmeros recitais. A Academia de Música Flor da Murta realiza...

Comentários Recentes

ana PAULA COSTA D FERREIRA ANA FERREIRA on Novo horário do Centro de Vacinação do Pavilhão Carlos Queiroz