16.5 C
Oeiras Municipality
Sáb 20 Abril 2024
Inicio Sociedade Dia do Município. Atribuídas viaturas de segurança, entregues fogos e inaugurados...

Dia do Município. Atribuídas viaturas de segurança, entregues fogos e inaugurados edifícios de habitação jovem

O Dia do Município de Oeiras foi assinalado este domingo com a atribuição de 26 novas viaturas a forças de Segurança (Polícia de Segurança Pública, Polícia Municipal e Proteção Civil) e a serviços municipais, num investimento que rondou os 700 mil euros, e ainda com a entrega de 19 fogos de habitação e inauguração de dois edifícios de habitação jovem.

Respeitando sempre as recomendações dadas pelas Autoridades de Saúde no atual contexto epidemiológico, as comemorações do 261.º aniversário do Município de Oeiras começaram às 09:00 com o tradicional hastear das bandeiras, seguindo-se a Missa Solene nos Jardins do Palácio Marquês de Pombal.

Depois disso, foi a vez da atuação dos jovens que integram o projeto social “Novos Horizontes – A Orquestra da Câmara Portuguesa Solidária no Bairro dos Navegadores” atuarem pela primeira vez, um momento musical seguido do habitual discurso do Presidente do Município, Isaltino Morais.

Na sua intervenção, Isaltino Morais destacou vários grandes números do Município, o mais recentemente relacionado com o apoio no combate ao COVID-19 que se traduziu num reforço no orçamento municipal de 6 milhões de euros, fortalecendo o Fundo de Emergência Social.

Além disso, sublinhou os 247 projetos que estão atualmente a ser desenvolvidos pelo Município e grandes investimentos em diversas áreas, como Mobilidade e Acessibilidades, Qualidade de Vida, Ambiente, Património Cultural e Educação.

“Alguns destes projetos começam agora a ver a luz do dia, mas provavelmente os que requerem grandes empreitadas e que vão revolucionar a face do concelho, esses só serão visíveis em finais de 2021 e ao longo de 2022”, anunciou.

Nos grandes números de Oeiras, o autarca recordou ainda que o Município é o segundo maior do país na geração de riqueza de empresas não financeiras, contribuindo com 24 mil milhões de euros, à frente do Porto e só atrás de Lisboa.

“Estes números, associados a uma dinâmica empresarial assente no conhecimento, fazem de Oeiras o laboratório da transformação do país”, sustentou.

Terminado o discurso de Isaltino Morais, foi a vez da entrega de condecorações a personalidades que se destacaram pelo contributo dado ao bom nome do Município de Oeiras e, depois disso, procedeu-se então à entrega de viaturas.

Foram 26 viaturas de segurança entregues à PSP, Polícia Municipal e Proteção Civil e serviços municipais, num total de quase 700 mil euros.

Nas cerimónias da parte da tarde, foram entregues 19 fogos de Habitação Jovem, localizados na União de Freguesias de Oeiras e São Julião da Barra, Paço de Arcos e Caxias, na União de Freguesias de Algés, Linda-a-Velha e Cruz-Quebrada/Dafundo, na Freguesia de Barcarena e na Freguesia de Porto Salvo.

Daí, seguiu-se a inauguração de dois edifícios no âmbito do Programa Habitação Jovem nos Centros Históricos. Foram criados 4 fogos T1 e 1 fogo T3, num investimento de 590 mil euros para aquisição e reabilitação destes imóveis.

De realçar que o Município de Oeiras já investiu mais de 19 milhões de euros na compra e reabilitação de edifícios para Habitação Jovem, que contempla a aquisição de 26 edifícios, dos quais 14 já foram reabilitados, 2 estão em fase de obras de reabilitação e 10 imóveis em fase de projeto.

As comemorações passaram a ser acompanhadas online no Facebook do Município a partir das 17:00, quando se realizou uma visita guiada à Quinta de Cima, pelo historiador José Meco.

É na Quinta de Recreio do Marquês de Pombal que se localiza o Complexo da Casa da Pesca – Monumento Nacional (classificada em 1940) – sob gestão do Município desde 4 de outubro de 2019, ao fim de muitos anos de negociação com a Administração Central.

Nesta visita foi possível ver os trabalhos já desenvolvidos pela Autarquia, nomeadamente na reabilitação do icónico, composto pelo Complexo da Casa de Pesca (Pavilhão, Cascata do Taveira o tanque, um lago e jardins adjacentes), a Cascata e Mina da Fonte do Ouro, o Pombal, o sistema hidráulico (aquedutos e mães de água) e a Casa dos Bichos de Seda, entre outros.

Até agora, já foram investidos cerca de 189 mil euros, de um total de cerca de 10 milhões que o Município prevê investir na recuperação do conjunto monumental e em intervenções no complexo que beneficiarão também o Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV), ali sediado.

Sob o mote cultural, e ainda com a Casa da Pesca como palco, as comemorações do Dia do Município de Oeiras terminaram com o concerto online “Aqui Está-se Sossegado” com Camané e Mário Laginha.

COMENTAR

Please enter your comment!
Por favor, digite o seu nome

- PUB -

Os mais lidos

CMCS participa do Campeonato Europeu de Canoagem de Mar 2024

Decorreu, no passado sábado 13 de abril, em Angra do Heroísmo – Terceira, Açores, o Campeonato da Europa de Canoagem de Mar 2024. Sob...

Palácio dos Aciprestes vai ser palco do concerto Septeto Martinu

O Palácio dos Aciprestes, em Linda-a-Velha, recebe o grupo Septeto Martinu no próximo dia 22 de abril, pelas 18h, para uma jornada musical e...

Concerto Didático para Pais & Filhos ‘História de Música e Música com Histórias’

O Concerto Didático para Pais & Filhos ‘História de Música e Música com Histórias’ realiza-se no próximo dia 21 de abril, pelas 11h, no...

Fundação Gulbenkian, Lisboa e Oeiras abrem candidaturas para residências artísticas

Estão abertas as candidaturas para três residências multidisciplinares da iniciativa Bauhaus of the Seas Sails, de que a Fundação Calouste Gulbenkian, através do Centro...

Comentários Recentes