18.6 C
Oeiras Municipality
Dom 26 Junho 2022
Inicio Sociedade Linha SOS Pessoa Idosa registou dobro dos pedidos de ajuda no último...

Linha SOS Pessoa Idosa registou dobro dos pedidos de ajuda no último ano

A violência sobre pessoas idosas a residir com familiares ou cuidadores aumentou de 27% para 53% no último ano, revelou a Linha SOS Pessoa Idosa, da Fundação Bissaya Barreto.

Segundo a mesma instituição, a violência sobre mulheres casadas subiu, no mesmo período, de 17% para 35%.

A Linha SOS Pessoa Idosa indicou que Lisboa (29%) continua a liderar o número de denúncias, seguido de Setúbal (11%), que ultrapassou o Porto (10%) no segundo lugar. A cidade Invicta ocupa agora o terceiro posto, com a mesma percentagem de Coimbra.

A técnica Marta Ferreira, do serviço da linha de apoio da Fundação Bissaya Barreto considera que, ”a pandemia e o seu rescaldo possam ter tido alguma influência nestes números, já que mais pessoas passaram a residir com familiares e houve centros de apoio que encerraram”.

Em 2021, o serviço contabilizou 1.812 contactos telefónicos, e-mail e articulações interinstitucionais. Até à data, os pedidos de ajuda recebidos resultaram na abertura de 244 processos internos, que obrigaram a acompanhamento frequente e intervenção, bem como a articulações interserviços.

As denúncias foram realizadas por email/formulário (52,5%), telefone (47%) e presencialmente (0,5%).

A maioria dos pedidos de ajuda refere-se a pessoas com idades entre os 75 e os 84 anos (40%), do género feminino (65%), em situação de viuvez (52%) e casadas (35%). Por outro lado, 53% das vítimas reside com familiares ou cuidadores, sozinhas (39%) e em instituição (8%).

“As vítimas vivenciam diversas formas de violência, sendo a negligência a mais comum (32%), com um aumento de 5% face ao ano anterior, seguida da violência psicológica (26%), financeira (11%), estrutural/sociedade (10%) e abandono (7%)”, refere o comunicado.

“Em 70% das denúncias, os sujeitos maltratantes são familiares das vítimas e 41% dos agressores denunciados são homens e 45% filhos das vítimas, o que representa uma descida de 8% comparativamente com o ano anterior”, refere o comunicado.

O serviço SOS Pessoa Idosa é uma resposta de intervenção social que integra uma linha nacional e gratuita de atendimento telefónico (800 102 100) e/ou via e-mail (sospessoaidosa@fbb.pt), com atendimento direto e personalizado e um serviço de mediação familiar.

A linha tem por objetivo principal apoiar e responder aos apelos de pessoas que vivem situações de violência nas suas diversas manifestações ou que delas têm conhecimento, disponibilizando vários meios e instrumentos de comunicação, com garantia de anonimato.

COMENTAR

Please enter your comment!
Por favor, digite o seu nome

- PUB -

Os mais lidos

Encerramento da Fase I do Parque dos Poetas de 27 de junho a 5 de julho

A I Fase do Parque dos Poetas, em Oeiras, estará encerrada ao público para a preparação e realização do evento ‘Festival Panda’. ⚠️ AVISO: Encerramento...

Requalificação das rampas de acesso à Praia de Santo Amaro de Oeiras

O Município de Oeiras irá proceder à requalificação das rampas de acesso à Praia de Santo Amaro de Oeiras, entre 27 de junho e 1 de julho. Esta...

Município de Oeiras apoia Equipa de Basquetebol do Paço de Arcos Clube

A Equipa de Basquetebol dos Sub-14 A Masculinos do Paço de Arcos Clube esteve presente na última Reunião de Câmara para agradecer à Câmara...

Festival Internacional de Piano de Oeiras – FIPO está a chegar

O Festival Internacional de Piano de Oeiras (FIPO) está de volta com a realização de inúmeros recitais. A Academia de Música Flor da Murta realiza...

Comentários Recentes

ana PAULA COSTA D FERREIRA ANA FERREIRA on Novo horário do Centro de Vacinação do Pavilhão Carlos Queiroz