20.8 C
Oeiras Municipality
Ter 27 Setembro 2022
Inicio Uncategorized Oeiras associa-se ao centro Antidiscriminação VIH e à campanha ‘Eu sou VIH+...

Oeiras associa-se ao centro Antidiscriminação VIH e à campanha ‘Eu sou VIH+ e visível’

O centro Antidiscriminação VIH é um projeto de duas associações na área do VIH/SIDA, GAT – Grupo de Ativistas em Tratamentos e da Ser+ – Associação Portuguesa para a Prevenção e Desafio à Sida, tendo sido criado há 12 anos para combater o estigma e discriminação de que ainda hoje as pessoas com VIH são alvo.

Os preconceitos sociais não acompanharam a extraordinária evolução que houve a nível médico, fazendo com que, atualmente, quem vive com VIH, possa ter uma carreira profissional, constituir família, e fazer planos a longo prazo, mas habitualmente sem nunca revelar a sua infeção a familiares, amigos, e muito menos publicamente.

Tendo em conta o exposto, o Centro Antidiscriminação VIH, está a promover uma campanha, a lançar no dia 20 de setembro a nível nacional, direcionada à eliminação do estigma e discriminação que as pessoas que vivem com VIH se deparam no seu quotidiano.

Esta campanha está alinhada com as metas da UNAIDS da Discriminação Zero, e com os objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

A campanha “Eu sou VIH+ e visível” é a primeira a nível nacional em que 10 pessoas que vivem com esta infeção, “dão a cara”, assumindo publicamente a sua condição de saúde, mostrando a multiplicidade de identidades e a convergência de lutas. Todas vivem com infeção VIH, e isso faz parte das suas vidas, não sendo o VIH que as define.

Com esta campanha pretende-se combater o estigma associado a esta infeção e desmistificar a ideia de morte e doença que ainda hoje persistem, promovendo o direito à liberdade de cada um para ser quem é.

O conteúdo da campanha é composto por uma série de retratos individuais com a frase “Eu
sou VIH+”, seguida de três adjetivos que descrevem a pluralidade de cada pessoa, finalizando
com um comum a todos, que reflete a necessidade sentida de serem vistos como seres
humanos completos, diversos e múltiplos.

Este material será convertido em cartazes que serão afixados por todo o país, contando com o interesse e colaboração dos vários municípios, nomeadamente os que assumiram o compromisso político enquanto “Fast Track City” para a eliminação e combate ao VI campanha “Eu sou VIH+ e visível”.

Recorde-se que o Projeto FastTrackCities – Cidades na Via Rápida para acabar com o VIH/Sida foi lançado pela Declaração de Paris de 2014 e é constituído por uma rede de parceria entre cidades a nível mundial, e quatro entidades principais: Associação Internacional de Prestadores de Cuidados no âmbito da SIDA (IAPAC), Programa Conjunto das Nações Unidas para o VIH/SIDA (ONUSIDA), Programa especifico das Nações Unidas para a Habitação e Desenvolvimento Urbano Sustentável (UN-HABITAT) e a cidade de Paris, entre outros parceiros locais, nacionais e internacionais.

 

COMENTAR

Please enter your comment!
Por favor, digite o seu nome

- PUB -

Os mais lidos

Governo alarga até 2 de outubro prazo de candidaturas aos estágios da Administração Pública

O Governo alargou até 2 de outubro o período de candidaturas ao EstágiAP XXI, o programa de estágios da Administração Pública. Este programa tem...

Portugueses podem vir a ter prazos para fazer partilhas de heranças

Em Portugal dos 11,5 milhões de prédios rústicos existentes, 3,4 milhões (30%) encontram-se em situação de herança indivisa,isto é, heranças que ainda não foram...

Oeiras Celebra o Dia Mundial do Turismo

Oeiras assinala o Dia Mundial do Turismo, 27 de setembro, com a entrada em funcionamento do TOMI, um painel interativo de comunicação e informação...

Academia João Cardiga receberá Formações em Intervenções Assistidas por Equinos

A Academia Equestre João Cardiga vai, através do seu polo de formação – Cardiga Training Center – ser palco, de diversas ações de formação...

Comentários Recentes

ana PAULA COSTA D FERREIRA ANA FERREIRA on Novo horário do Centro de Vacinação do Pavilhão Carlos Queiroz