9.9 C
Oeiras Municipality
Ter 7 Fevereiro 2023
Inicio Ciência Oeiras preserva a fauna de água doce

Oeiras preserva a fauna de água doce

O Município de Oeiras, com a colaboração da Marinha Portuguesa, através do Aquário Vasco da Gama (AVG), e o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), iniciou um conjunto de ações de conservação de espécies nativas de peixes de água doce.

De forma a minimizar o impacto causado pela situação de seca extrema, que reduz drasticamente o caudal ecológico dos cursos de água que atravessam o concelho, o AVG disponibilizou aquários onde os espécimes recolhidos permanecerão até estarem garantidas as condições naturais necessárias para serem devolvidos à Natureza.
As espécies alvo desta ação são:

  • Boga-portuguesa (Iberochondrostoma lusitanicum) – Espécie endémica de Portugal (apenas pode ser encontrada no nosso país e em nenhuma outra parte do mundo). Está protegida por lei e encontra-se criticamente em perigo de extinção.
  • Escalo-do-sul (Squalius pyrenaicus) – Espécie endémica da Península Ibérica e protegida por lei. Encontra-se em perigo de extinção.
  • Verdemã (Cobitis paludica) – Espécie exclusiva da Península Ibérica, em Portugal tem estatuto de conservação pouco preocupante, mas no resto da Europa está classificada como vulnerável. Também se trata de uma espécie protegida por lei.

O Município de Oeiras preserva a sua fauna de água doce!

Ajude-nos a proteger as nossas ribeiras, a sua fauna e espécies em risco de extinção.

Caso verifique e presença de tubagens ou bombas nalguma das ribeiras do Concelho de Oeiras, agradecemos que contacte a Polícia Municipal através do número 210976590, indicando o local da ocorrência.

A presença destas estruturas contribui para baixar o caudal ecológico das ribeiras durante todo o ano. No verão, no entanto, o seu efeito é ainda mais grave, por ser uma altura em que a ausência de precipitação e, em particular, a situação de seca extrema em que o País se encontra, podem pôr em risco as espécies de peixes nativos e outras espécies de fauna que dependem deste meio.

Paralelamente, para proteger a fauna nativa, nomeadamente espécies em risco, o Município de Oeiras está a diligenciar com as entidades competentes os procedimentos necessários para o seu resgate e transferência para zonas de pegos ainda com água.
Saiba mais em https://bit.ly/3wEeA6s

COMENTAR

Please enter your comment!
Por favor, digite o seu nome

- PUB -

Os mais lidos

700 alunos participaram do Corta-mato de Oeiras

Foi num ambiente de festa que, uma vez mais,  se celebrou o Desporto em contexto escolar, num dia dedicado à modalidade de atletismo. O Corta-mato...

Abertas inscrições para quem pretenda ser família de acolhimento nas Jornadas Mundiais da Juventude

Já se encontram abertas as inscrições para as famílias que pretendam receber os jovens peregrinos que venham participar na JMJ Lisboa 2023. Os jovens que...

NucleOeiras participou no Campeonato Nacional de Pista Coberta Sub18 (Juvenis) em Braga

No passado fim de semana, 4 e 5 de fevereiro de 2023, realizou-se em Braga os Nacionais de Pista Coberta Sub18 (Juvenis) da Federação...

A Oeiras Viva E.M. assinala Dia dos Namorados com Concurso de Fotografia

A Oeiras Viva E.M. irá assinalar o dia 14 de fevereiro, Dia dos Namorados, com o Concurso de Fotografia. O Concurso teve início no dia...

Comentários Recentes